Ecoturismo: 10 destinos nacionais que você precisa conhecer

Prepare sua mochila e embarque conosco para curtir uma verdadeira viagem de ecoturismo, em um país bonito por natureza. Florestas e cachoeiras, dunas e lagoas, praias e montanhas, trekkings e culturas. Espalhados pelo Brasil estão paisagens dignas de serem capa em qualquer revista de turismo do mundo.

Selecionamos 10 destinos incríveis de norte à sul do Brasil para você conhecer as mais belas paisagens do nosso país!

 

Lençóis Maranhenses

Para muitos, o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, no Maranhão, possui uma das mais deslumbrantes e incomuns paisagens brasileiras.

Suas dunas de areias brancas e finas se espalham por uma região muito grande (são 1.500km²). Na melhor época do ano, que vai de maio a setembro, a paisagem fica repleta de lagoas de águas quentes e azuis esverdeadas, um cenário paradisíaco.

A melhor época do ano está acabando. Aproveite agora e escolha entre um pacote de viagens de 4 a 9 dias neste paraíso.

Ou, se quiser uma experiência ainda mais completa,  aproveite para percorrer também a Rota das Emoções, entre o Maranhão e o Ceará.

 

Chapada Diamantina

Se você é um amante do trekking, mas nunca cogitou se aventurar em território baiano, pense de novo. 

A Chapada Diamantina é um verdadeiro playground dos viajantes de aventura. São vales, paredões, grutas, cachoeiras, muitas bromélias e rios de águas avermelhadas que se alternam na paisagem.

A Travessia do Vale do Pati já foi eleita a mais bonita do Brasil. Dormindo na casa de moradores locais passamos 5 dias no interior do vale conhecendo suas paisagens e um pouco mais das suas histórias. Outra opção é fazer um roteiro de Volta ao Parque, dando uma volta completa no Parque Nacional, visitando locais como o Poço Azul e as cachoeiras da Fumacinha e do Buracão.

As trilhas na região são sempre muito longas, e geralmente com um nível de dificuldade intenso. É importante estar acompanhado de um bom guia. Com a PISA Trekking, você encontra os melhores roteiros e guias especialistas na região.

 

 

Chapada dos Veadeiros

No coração do Brasil, águas puras e cristalinas se apresentam na forma de nascentes, poços, rios e cachoeiras, atraindo milhares de visitantes daqui e do mundo afora.

A diversidade de cachoeiras é impressionante. As mais conhecidas, os dois altos do Rio Preto, com 80 e 120m de queda. A Catarata dos Couros tem incontáveis pequenas quedas sobre a rocha avermelhada, e é deliciosa para tomar um bom banho. O Vale da Lua tem o nome autoexplicativo, não parece com nada na Terra. E a mais bonita delas, na opinião da maioria de quem conhece, é sem dúvida a Cachoeira Santa Bárbara, uma pequena queda, com um poço d´água de um azul único.

Além de tanto banho de cachoeira, o cerrado rupestre da região é um show a parte, e o bom é que são, na maioria das vezes, trilhas são para iniciantes.

A Chapada dos Veadeiros encanta e nos faz querer voltar. Conheça este paraíso com a Pisa, confira nossas diversas opções de roteiros.

 

Monte Roraima

Para os aventureiros que ousam percorrer as trilha e subir até seu topo, esta expedição se revela uma verdadeira prova de persistência. Durante os longos dias de trekking, são testados constantemente o poder de vontade dos viajantes, permitindo ao homem um reencontro consigo mesmo e com as origens do planeta.

O Roraima tem uma idade estimada de 2 bilhões de anos, e a natureza em cima de suas rochas enegrecidas de limo se adaptou à este clima único em uma região Equatorial.

As expedições variam de acordo com o número de dias no topo. O Circuito 3 Nações tem 2 noites no topo e vai até a divisa entre Brasil, Venezuela e Guiana.  o Circuito Místico Catedral tem 4 noites no topo e um dia a mais para conhecer a Pedra Maverick, o paredão La Ventana e o Salto catedral. E no Circuito Mágico Makunaima, com 5 noites no topo, atravessamos o Roraima e dormimos uma noite no lado Brasileiro.

 

 

Jalapão

Conhecido por suas dunas de areias douradas, o Jalapão possui grandes rios de águas potáveis, corredeiras, nascentes e lindas cachoeiras de águas esmeraldas. Um paraíso para amantes da vida ao ar livre, em uma natureza que só poderia ser brasileira.

As estradas de areia do Jalapão são um obstáculo necessário a se superar, e transformam essa viagem em uma grande aventura.

roteiro de 360º no Jalapão é dormindo em pousadas, e passa pela comunidade quilombola Mumbuca, famosa pelo artesanato com capim dourado. Todas as épocas do ano são recomendadas, e existe ainda a possibilidade de fazer esta viagem acampando nos confortáveis Safari Camp.

Conheça o Jalapão e apaixone-se!

 

Amazônia

A Amazônia é o maior ícone mundial da biodiversidade. Nela estão a maior bacia hidrográfica e a maior floresta tropical do mundo e também uma diversidade cultural incrível.

Falar ou escrever sobre a Amazônia é sempre menos do que conhecê-la. Visitar a Floresta Amazônia é algo que todos deveriam fazer um dia.

As hospedagens são em hotéis de selva e, seja em terra firme, como Juma Lodge, ou flutuantes. Na Reserva Mamirauá a Pousada Uacari flutua tranquila sobre as águas da floresta inundada, e durante a estadia percorremos de canoa entre as imensas árvores da floresta. Existe também a opção de navegar pelas águas do Rio Negro, como é o caso do Veleiro M/V Desafio.

Em todas estas opções, você irá viver experiências autênticas e transformadoras.

 

 

Belém, Alter do Chão e Marajó

Uma das portas de entrada da Floresta Amazônica é o estado do Pará.

A antiga cidade de Belém dá acesso ao Rio Amazonas, e de tão cultural já foi conhecida como Paris n’América. Vale  muito a pena conhecer, pela cultura e gastronomia que reúne todos os aromas da Amazônia.

A Ilha de Marajó é guardiã do maior acervo de descobertas arqueológicas da Amazônia. A ilha abriga resquícios da cultura indígena marajoara que desapareceu misteriosamente durante o período da colonização portuguesa. Seus campos inundáveis, praias selvagens e manguezais a tornam um lugar especial para quem gosta da natureza em seu estado natural.

E Alter do Chão, conhecida como o  “Caribe Amazônico”, reserva praias de águas cristalinas e areias branquinhas na imensidão do Rio Tapajós.

De Setembro a Janeiro é a melhor época para conhecer a região, que tal?

 

Aparados da Serra

No sul do Brasil, há um destino que escapa do radar de muitos brasileiros. São os cânions de dois parques nacionais, os de Aparados da Serra e da Serra Geral.

Só dentro dos parques estão mais de 60 cânions, sendo o maior conjunto de cânions da América do Sul. Ou seja, um imenso playground para os amantes do ecoturismo.

É um destino ideal para quem gosta de praticar várias atividades em uma só viagem. Em um roteiro de aventura em Aparados da Serra,  é possível pedalar e fazer trekking na borda dos cânions, fazer rapel na cachoeira do Cipreste, tomar um banho na Cachoeira dos Venâncios e andar à cavalo pelos Campos de Araucárias.

Mas também dá pra curtir e relaxar, se hospedando no hotel de charme Parador Casa de Montanha!

Aproveite que agora no inverno é a melhor época para viajar!

 

Urubici

Na Serra Catarinense estão situadas as cidades mais frias do Brasil. Quase todos os municípios ficam acima de mil metros de altitude e estão apenas a três horas de carro do litoral.

Em Urubici o frio se completa com a paisagem de florestas de araucárias e a imponência da formação Serra Geral. Um cenário curioso e surpreendente num país tropical como o Brasil.

Mas é sobre duas rodas que o destino mostra sua maior vocação. Santa Catarina já é conhecida por ser pioneira nos roteiros planejados especialmente para serem percorridos de bicicleta, com o Circuito do Vale Europeu. E em Urubici, as estradinhas de terra nos levam a pequenas propriedades rurais onde degustamos uma boa comida rural, e boas histórias.

Conheça nossos roteiros de aventura e contemplação em Urubici e aproveite o inverno para viajar!

 

 

Serra da Mantiqueira

Por abrigar quatro dos dez picos culminantes do Brasil esta montanhosa região de Minas Gerais é também conhecida como “O Himalaya Brasileiro”. Para nós, amantes de uma boa aventura, é o nosso playground favorito.

Por ser muito montanhosa, a maioria das trilhas são intensas e com muito desnível. O roteiro mais leve dentro do Parque Nacional de Itatiaia é o Circuito 5 Lagos, que passa por uma região de vale entre as montanhas.

Ou, para quem quer algo bem hardcore, a opção é fazer a Travessia da Serra Fina, a mais temida do Brasil.

A Serra da Mantiqueira é  um verdadeiro santuário ecológico com diversas cachoeiras e altas montanhas. É por ela que os amantes do trekking se apaixonam e nunca mais esquecem. A temporada de montanha está acabando, aproveite para conhecê-la ainda nesta temporada.

 

Não deixe para amanhã. Escolha ainda hoje sua próxima viagem de ecoturismo ou aventura!

 

Deixe uma resposta