Patagônia Argentina: Tudo o que você precisa saber sobre o Perito Moreno

Se você ama viagens para lugares gelados e sonha em conhecer uma grande geleira, saiba que você não precisa ir até a Antártica. No nosso país vizinho, a Argentina, temos um dos glaciares mais famosos do mundo: o Perito Moreno. Se você nunca ouviu falar dele, saiba que não é pouca brincadeira. Sozinho, seus 250km² batem a área de Buenos Aires inteira (200km²). Também, com 18.000 anos de idade nas costas, quando a Terra ainda passava pela última Era do Gelo, não podia ser diferente. E para conhecer um pouquinho mais dessa maravilha subzero, o Blog Vida ao Ar Livre mostra o que é e como conhecer o Perito Moreno.

 

O que é o Perito Moreno?

O Perito Moreno é um grande glaciar distante 2.500km de Buenos Aires, na cidade de El Calafate. É uma geleira que faz parte do Campo de Gelo Continental, o maior campo de gelo fora dos pólos. Para chegar lá, você precisa descer o país em direção sudoeste até a Patagônia, praticamente na fronteira com o Chile. Mas toda essa distância faz muito sentido quando lembramos que a geleira está em uma das regiões mais isoladas da América do Sul.

Além de ter uma área enorme, o Perito Moreno é um paredão de gelo assustador. Só acima do nível da água são 60 metros, equivalente a um prédio de 20 andares. Se somarmos os outros 30m que estão abaixo, dá pra imaginar que o negócio é grande mesmo.

Aliás, grande e azul. Como o gelo é bem compacto e sem bolhas de ar, quando a luz passa, todas as cores são absorvidas, com exceção da azul. E bem, para chegar mais pertinho desses “50 tons de azul”, você pode explorar o Perito Moreno de várias formas.

perito moreno

 

Como conhecer o Perito Moreno?

Desde observar o glaciar (e se tiver sorte ver um desmoronamento de gelo), até caminhar sobre ele, fizemos uma lista das melhores atividades para quem quer aproveitar ao máximo a chance de estar diante do Perito Moreno. E acredite, é de esquentar o coração (e o corpo também).

  • Mirante:

Todo mundo que vai ao Perito Moreno passa pelo menos por aqui. E uma estrutura ajeitadinha de madeira, que você vê todo o Lago Argentino e, obviamente, o paredão azul que estará à sua frente. Se você reparar um pouco nos arredores, é quase impensável que do lado de tanto gelo exista arbustos e, às vezes, até flores típicas das estepes patagônicas.

perito moreno

 

  • Navegação:

Se você quiser uma experiência um pouquinho mais próxima, uma boa é se aventurar por algum passeio de navegação. Imagina, se o desprendimento de blocos de gelo já é bonito do mirante, imagine agora mais de pertinho. E se você curtir a experiência, é possível fazer navegações por outros glaciares, como o Upsala ou o Spegazini, que ficam em lagos na região. Elas são menos conhecidas, mas também mais selvagens. Ah, uma dica é que quem faz as navegações para o Perito Moreno já tem o mirante incluído no passeio.

perito moreno

 

  • Mini Trekking (Caminhada Leve):

Agora, se a ideia é botar as mãos na massa, ou melhor, os pés no gelo, a melhor opção são os trekkings. Durante o inverno, eles ficam fechados pelas condições rigorosas do tempo, mas mesmo no verão, quando os passeios seguem normais, o “calor” ainda é frio. Por isso, você irá bastante equipado e com todo o suporte dos guias locais, para enfrentar gretas no gelo e trilhas que te farão suar frio. E ah, pode ficar tranquilo que os “crampons”, aquelas garrinhas de metal que vão debaixo da sua bota, não vão te deixar escorregar. E se pela descrição aqui você já está achando que é uma atividade difícil, fique tranquilo que o passeio é bem leve. Apesar de não estarmos acostumados a andar no gelo, saiba que crianças acima de 10 anos, e pessoas com até 65 estão aptas a participar.

perito moreno

 

  • Big Ice (Caminhada Intensa):

Se você já é do time que achou fácil demais, temos uma boa notícia: existe uma caminhada mais intensa. Você fará tudo que o Mini Trekking oferece, só que por mais tempo e em áreas mais difíceis. Por exemplo, você caminhará por cima do trecho de “morena”, onde ficam as pedras soltas em que o glaciar se apoia. Irá também mais para o interior do glaciar, em uma caminhada de nível moderado. Aqui, o preparo físico é importante, mas se você não tiver experiência prévia com gelo, não tem problema! Só que para esse passeio nossa recomendação é para pessoas que estejam em boas condições físicas. E mais uma vez, é bom lembrar que em ambos os trekkings, tanto a navegação quanto o mirante estão inclusos no passeio.

perito moreno

 

Agora que você já conhece bloco por bloco do Perito Moreno, só falta a passagem. Mas se você quiser só curtir a viagem sem se preocupar em preparar tudo, confira aqui os pacotes que a Pisa Trekking oferece na região. Para você aproveitar a viagem para El Calafate, você pode fazer passeios conjugados com El Chaltén, Torres del Paine e Ushuaia.

Especialistas em Patagônia há mais de 20 anos, nós garantimos segurança, aventura e conforto para você só ter que se preocupar em curtir. Fale com nossos atendentes e marque sua próxima viagem.

 

Leia outros textos sobre Patagônia:

CONHEÇA NOSSOS ROTEIROS!

Assine nossa newsletter e receba nossos roteiros e novos textos do blog

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 234 outros assinantes

Deixe uma resposta