Dica de Viagem: O que fazer em Ushuaia no inverno?

Ushuaia é um destino de surpresas o ano todo. No verão, além de uma natureza viva, as navegações em território polar atraem milhares de pessoas. Já no inverno, o fim do mundo ganha graça e beleza em tons de branco. Esse é a época que a região abre a temporada dos esportes radicais, dos passeios de huskies e das travessias sobre raquetes de neve. Para saber o que fazer no inverno em Ushuaia, o Blog Vida ao Ar Livre separou as melhores opções.

Programe sua viagem para Ushuaia no inverno:

Antes de qualquer coisa, vale lembrar que o inverno patagônico acontece de 21 de junho a 22 de setembro, como no Brasil, mas para os que precisarem de mais opções para aproveitar o clima, saiba que a viagem está garantida do comecinho de junho ao final de setembro.

Apesar dos dias mais curtos, quando você chegar em Ushuaia, a infinidade de opcionais até espanta: “será que vai dar tempo de fazer tudo?”. Fato é: as atividades que fizer serão bem diferentes umas das outras. Aliás, vale o toque de que algumas precisam ser marcadas com bastante antecedência. Para você saber quais são, marcaremos com um (A) aquelas que você precisará ficar de olho.

Centro de Ski Cerro Castor

Se você for para Ushuaia no inverno, um dos atrativos mais populares é Cerro Castor. A 30min de carro do centro da cidade, essa é a estação de esqui mais austral da América do Sul. Ou seja, a temporada de neve está garantida, e melhor, estendida, já que o inverno é mais intenso por aqui.

E se você estiver com medo, fique tranquilo! A estação tem pistas de todos os níveis, a neve da região é mais fofinha, o que dá uma sensação de leveza para quem esquia, e uma equipe de instrutores te ajudarão a dar cada passo…quer dizer, deslizada. E ah, aqui até os bem pequerruchos têm vez com um jardim infantil para eles irem se acostumando com o geladinho enquanto os papais vão se divertir.

Para garantir a diversão, basta alugar um esqui ou snowboard, bastão e bota. E se você não pode deixar de compartilhar seus momentos com os amigos, o Wi-Fi cobre toda a área da estação.

Passeio de Trenó com Huskies + Caminhada com Raquetes de Neve (A)

Que animal mais característico e companheiro do que os huskies siberianos você poderia encontrar em ambientes gelados? Estes cães da neve gostam de correr e participam de várias competições na Terra do Fogo. Por isso, não se preocupe: os cães não são mal-tratados e a atividade não lhes causa nenhum sofrimento. Basta subir no trenó, relaxar e contemplar o vale nevado através de um antigo caminho de lenhadores.

Mas a aventura não termina depois que nos despedimos deles. Após um descanso numa pequena cabana de troncos, com direito a fogão a lenha, está na hora de calçar as raquetes de neve. Com elas, podemos enfrentar trechos de um metro de espessura de neve e caminhar até a cachoeira Gelo Alvear e o mirador do Vale.

O passeio fica disponível a partir de 25 de junho e dura cinco horas. E para garantir a aventura é preciso reservá-lo para pelo menos duas pessoas. Aliás, se você quiser uma dose a mais de emoção, peça a seu atendente da Pisa Trekking pela opção para conduzir seu husky.

Passeio de moto e quadriciclo (A)

Agora, se você gosta de motores e sempre quis testar um na neve, você pode aproveitar a caminhada com raquetes de neve e depois acelerar nos blocos de gelo. A primeira opção é revezar a direção de uma moto de neve pelos vales e florestas patagônicos. O bom é que nessas cinco horas de passeio, você também pode arriscar umas deslizadas de cross-country e ski-bunda, como passeio opcional.

Uma segunda opção é fazer uma travessia de cinco quilômetros em quadriciclos pelos bosques congelados até retornamos ao ponto de partida. Depois de algumas noções básicas de manejo e segurança, você compartilhará o quadriciclo com mais uma pessoa enquanto fazemos paradas nas paisagens mais selvagens do sul do mundo. E no final, o almoço ainda está garantido!

Os dois passeios podem ser reservados a partir de primeiro de junho. Veja aqui o roteiro para essa aventura.

Passeio às lagunas patagônicas (A)

À essa altura, como você já deve ter se acostumado com as raquetes de neve, que tal enfrentar um desafio um pouco maior? Para visitar uma das principais lagunas da região serão precisos seis horas de trilha. Distante 20km de Ushuaia, a Laguna Esmeralda leva esse nome pela cor verde esmeralda de suas águas. O caminho por si só já é lindo, passando por diques de castores e bosque de lengas (árvores da região). No entanto, é a chegada que impressiona, afinal, não é toda laguna que fica encravada no meio de duas montanhas nevadas.

Se a natureza é contigo, mas você não quiser muito esforço, você pode conhecer os Lagos Fagnano e Escondido num passeio de 4x4, ambas também rodeadas por montanhas. No Fagnano inclusive subiremos até uma vista panorâmica de toda a região. E como todo cansaço merece uma barriga bem alimentada, a travessia também inclui um cordeiro fueguino assado, prato típico de Ushuaia.

O passeio todo, que acontece a partir de 25 de junho, leva nove horas e precisa de pelo menos quatro pessoas para fazer a reserva. Já para conhecer a Laguna Esmeralda bastam apenas duas pessoas para o período de primeiro de junho e 30 de setembro. Peça para seu consultor da Pisa Trekking no ato da reserva.

Trem do Fim do Mundo

Dentro do Parque Nacional da Terra do Fogo, um dos passeios mais pitorescos é pegar o Trem do Fim do Mundo. Pitoresco primeiro pelas paisagens, que acompanha os bosques, rio e montanhas da região, e segundo pela história da linha férrea. Em 1909, quando começou a funcionar, ela servia para transportar os presos da penitenciária de segurança máxima de Ushuaia para recolher lenha e buscar outros materiais.

Depois de 43 anos fechado, a linha reabriu em 1995 e um museu substituiu o presídio. Hoje, você pode conhecer 7km do trajeto original numa viagem de aproximadamente 45 minutos. E o bônus do inverno é que a paisagem ganha tons de neve.

E já que você estará dentro do parque, aproveite para conhecer os diversos mirantes espalhados pelos 630km² de área. Saiba como aqui.

Sobrevoo em Helicóptero

Após gastar muito a sola das raquetes, arriscar as melhores manobras nos esportes radicais e explorar a região com todos os veículos possíveis, que tal uma vista aérea para guardar na memória todos os ângulos do Fim do Mundo?

São duas opções. Em ambas, você começa o dia no antigo aeroporto de Ushuaia para uma palestra de segurança do sobrevoo. Dali, subimos no helicóptero para contemplar o Canal de Beagle, o porto, a cidade e os imponentes Monte Olívia e Valle Carbajal. Na segunda opção, além disso, continuamos até a Laguna Esmeralda, com toda a exuberância de cores de antes, e ainda fazemos uma parada em Cerro Le’Cloche, conhecida por guardar uma das melhores vistas de Ushuaia e da Cordilheira dos Andes.

Para fazer o sobrevoo, é preciso fazer a reserva para, no mínimo, três pessoas. O tour dura 40min com 7min de voo na primeira opção, e 1h20 e 30min de voo na segunda. Confira aqui o roteiro.

Avistagem de estrelas em excursão noturna (A)

E antes de se despedir da Patagônia, uma última experiência é calçar as raquetes de neve ou subir no trenó puxado pelos huskies pela última vez e contemplar o céu estrelado longe das luzes da cidade grande.

E o melhor, tudo muito bem servido, já que o abrigo rústico à luz de tochas te esperará com espetinhos assados, ensopado típico, quentão e vinho da região. Precisa de mais? Sim? Bom, então você terá também um show de violão regional exclusivo, a “guitarreada”.

Esse passeio também só pode ser reservado para viagens a partir de 25 de junho.

Agora que você já está quase especialista em Ushuaia, valem dois últimos avisos. Com 23km², a cidade tem uma área de três centros da cidade de São Paulo. Por isso, após os passeios, aproveite para caminhar pelas ruas e se encante pelo charme nevado da arquitetura da Terra do Fogo. Mas fica aviso: tome cuidado para não escorregar. O que mais se vê são desavisados tomando belos tombos.

Com isso mente, só falta comprar as passagens. E para uma viagem mais confortável, conte com todo o suporte da Pisa Trekking. Especialistas em Patagônia, nós oferecemos diversos roteiros para toda a região. Confira aqui o roteiro que separamos para você explorar Ushuaia no inverno. Tire todas as suas dúvidas com nossos atendentes e se jogue!

 

Leia outros textos sobre o fim do mundo:

CONHEÇA NOSSOS ROTEIROS!

Assine nossa newsletter e receba nossos roteiros e novos textos do blog

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 284 outros assinantes

Deixe uma resposta