Dia dos Pais: a importância da viagem para pais e filhos

O Dia dos Pais está chegando! A relação entre pai e filho é uma das mais importantes que podemos ter em nossas vidas. Ela faz parte dos nossos alicerces, e uma relação saudável é capaz de fomentar sentimentos de amor e autoconfiança como poucas outras. Muitas vezes, contudo, nós não a valorizamos como deveríamos. É por isso que, hoje, o Blog Vida ao Ar Livre explica como viagens entre pais e filhos podem auxiliar a fortalecer esses laços.

Deixando a diversão te levar

Quando estamos imersos em nossos cotidianos, é muito fácil nos deixarmos levar pela pressão causada por tarefas pendentes e problemas que não se resolvem. Assim, é também difícil proporcionar experiências memoráveis e verdadeiramente novas nestes mesmos ambientes que nos lembram de todas as coisas que nós estamos deixando de fazer.

É por isso que, de vez em quando, o melhor a se fazer é simplesmente sair de casa. E às vezes, o destino nem é tão importante assim. Talvez o seu filho recomende um passeio por uma serra que visitou com os amigos nas férias passadas; ou, quem sabe, você prefira ir para aquela praia que costumava frequentar com sua esposa quando ambos eram mais jovens. Se esse for o caso, com certeza surgirão histórias sobre essa época que poderão ser compartilhadas.

Ou então, se vocês decidirem ir para um lugar completamente novo, a diversão pode ser ainda maior. O desafio de desbravar um destino desconhecido é estimulante, e dessa forma você ainda tem a oportunidade de criar memórias exclusivas entre pai e filho. Essas memórias duram por toda a vida, e agora, sempre que você retornar a esse lugar ou ler sobre ele, essas memórias ressurgirão.

Contato com a natureza

O contato com a natureza é importante para todos nós. A natureza rejuvenesce e purifica. Mas para pais com filhos pequenos, um passeio pela serra ou por uma floresta pode ser ainda mais proveitoso. Primeiro, pelo aspecto da diversão: se o seu filho foi criado na cidade, talvez ele ainda não tenha tido a oportunidade de se sujar na terra ou de observar animais em seus habitats naturais. 

Segundo, pelos ensinamentos: uma criança que se depara com a vastidão da natureza terá infinitas perguntas a respeito dela e da vida que ela abriga. Isso contribuirá para que, no futuro, ela se torne uma pessoas mais consciente a respeito do meio ambiente, e menos insegura quando estiver fora do ambiente urbano. 

Para o pai, essa experiência também é de aprendizagem. A natureza não é um espaço controlado e, a princípio, é possível que exista medo e receio de expor o filho a essa circunstância. Porém, quando esses sentimentos são amenizados, cria-se uma relação de confiança entre pai e filho que com certeza será muito benéfica para ambos. 

Superação de desafios

Quando duas pessoas superam uma dificuldade juntas, elas criam laços mais fortes. Isso é uma afirmação com raízes científicas que caiu no pensamento popular, e que é ainda mais relevante quando aplicada a atividades de aventura como o trekking. Quando duas pessoas estão no mesmo nível de condicionamento físico, elas podem aproveitar a companhia uma da outra para se incentivarem e se apoiarem. E quando elas alcançarem o objetivo por elas almejado, a conquista parecerá ainda mais valiosa.

No caso da relação pai e filho, existem diversas maneiras através das quais isso pode se manifestar. Crianças e adolescentes podem gostar de explorar a natureza e pedirem para começar a enfrentar as suas primeiras trilhas. Por outro lado, é comum, também, que pessoas mais velhas comecem a limitar o número de atividades que praticam por puro receio de não serem mais tão resilientes. Mas quando um é capaz de ajudar o outro, a aventura vale mais a pena e a experiência é inesquecível.

Trocas

Toda vez que viajamos, realizamos trocas com o destino que estamos visitando. Nós levamos conosco a nossa percepção de mundo, os nossos hábitos e costumes, e absorvemos um pouco daqueles predominantes nos lugares que estamos conhecendo, sejam eles distantes ou não.

É esse um dos motivos que faz as viagens serem tão propícias para reconectarem pais e filhos. De modo geral, as pessoas estão mais abertas e receptivas quando estão viajando, e os diálogos consequentemente fluem com mais facilidade. As experiências parecem mais especiais, e existe um sentimento de urgência para aproveitar ao máximo cada momento vivido.

Agora que você já sabe sobre a importância de viagens entre pais e filhos, que tal começar a planejar um passeio? Para tanto, conte com os serviços da Pisa Trekking. Especialistas em ecoturismo, oferecemos várias opções de pacotes de viagens para pais e filhos. Confira todos aqui e tire todas as suas dúvidas com nossos atendentes!

Leia mais textos sobre viagens em família:

Conheça os nossos roteiros!

Assine nossa newsletter e receba nossos roteiros e novos textos do blog

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 338 outros assinantes

Deixe uma resposta