Pisa Trekking Aventura Levada a Sério

(11) 5052-4085 • (19) 3253-0274

Receba nossos Informativos

Reserve Agora

Voltar

Travessia da Serra Fina - Fast Track

Cód.Roteiro:486

Convidar Amigo Imprimir

EXPERIÊNCIAS:

  • Trekking

    Trekking

  • |
  • Viagens Rodoviárias

    Viagens Rodoviárias

  • |
3 DIAS E 2 NOITES

Nível de dificuldade:

- Extremo -
Valor a partir de:

Sob consulta

Terrestre

Gostou do Roteiro?
Solicite a sua Pré-reserva!

Solicitar

A Serra Fina é considerada uma das travessias de montanha selvagem mais difíceis do Brasil, pois só existe um ponto de água por dia, e geralmente faz muito frio a noite com temperaturas que podem chegar a abaixo de zero. Situada na tríplice divisa entre os estados de MG, SP e RJ, sustenta mais de 12 cumes acima de 2.000m. Tradicionalmente realizada em 4 dias, este novo formato fast-track traz o desafio de fazê-la em apenas 2 dias. Para compensar a dura jornada faremos o percurso apenas com mochilas de ataque e seus pertences pessoais, enquanto a equipe de apoio ficará por conta de preparar o camping estrategicamente na Pedra da Mina, o cume mais alto de toda a Mantiqueira com 2.798m de altitude. O relevo bastante ondulado possui depressões tão fundas que não permitem ver o pico mais alto. A travessia passa por outros expressivos cumes, mas ainda sim avistaremos algumas cristas que nunca foram acessadas, deixando claro o quão inóspitas são ainda essas montanhas.

Clique aqui e veja mais fotos de Serra Fina!

Pontos de Interesse

Alto do Capim Amarelo / Pedra da Mina / Vale do Ruah / Pico dos Três Estados

Sobre a Trilha

A Serra Fina é considerada uma das travessias de montanha selvagem mais difíceis do Brasil, pois só existe um ponto de água por dia, e geralmente faz muito frio a noite com temperaturas que podem chegar a baixo de zero. Situada na tríplice divisa entre os estados de MG, SP e RJ, sustenta mais de 12 cumes acima de 2.000m. Tradicionalmente realizada em 4 dias, este novo formato fast-track traz o desafio de fazê-la em apenas 2 dias. Para compensar a dura jornada faremos o percurso apenas com mochilas de ataque, enquanto a equipe de apoio ficará por conta de preparar o camping estrategicamente na Pedra da Mina, o cume mais alto de toda a Mantiqueira com 2.798m de altitude. O relevo bastante ondulado possui depressões tão fundas que não permitem ver o pico mais alto. A travessia passa por outros expressivos cumes, mas ainda sim avistaremos algumas cristas que nunca foram acessadas, deixando claro o quão inóspitas são ainda essas montanhas. Indicamos essa travessia para pessoas com ótimo condicionamento físico e que já tenham realizado a travessia no formato original.

Dia a Dia

1º Dia - ORIGEM / ITANHANDÚ

Receptivo na rodoviária de Itanhandú para transfer e acomodação em Pousada.
 
Pernoite em pousada simples 
 
Sem refeições inclusas


2° Dia - TOCA DO LOBO / ALTO DO CAPIM AMARELO / PEDRA DA MINA (2.798m)

Após café da manhã, transfer de 40min aproximadamente até o início da trilha na Toca do Lobo. Dia de grande desafio, transpondo cumes e vales profundos da Mantiqueira até alcançarmos nosso primeiro objetivo, o Alto Capim Amarelo (2.392m), altitude que manteremos grande parte do dia. Trechos longos de duras descidas também farão parte do trekking, até chegarmos à base na face oeste da Pedra da Mina, onde teremos a última subida do dia que nos levará ao acampamento no 4° mais alto pico do Brasil (2.798m). Pernoite em barracas e jantar quente.
 
Distância: 13km / Tempo: 8 à 10h
Ganho Acumulado de Elevação (GAE): 1.700m
Perda Acumulada de Elevação (PAE): 465m

Pernoite em barraca

Café da manhã, lanche de trilha e jantar


3° Dia - PEDRA DA MINA / VALE DO RUAH / PICO DOS TRÊS ESTADOS / ALTO DOS IVOS / ORIGEM

O segundo dia de jornada tem pela frente a conquista de mais um cume de forte expressão, o Pico dos 3 Estados (2.665m), que reúne três cristas distintas, cada uma vertente para um estado, fazendo assim uma tríplice fronteira entre MG, SP e RJ. Mas antes mesmo do acesso ao cume pela crista do Cupim de Boi, faremos uma imersão pelo majestoso Vale do Ruah, onde está a nascente do Rio Verde, um das mais altas do país. Na descida passaremos pelo Altos dos Ivos até chegar ao Sitio do Pierre onde o transfer estará a nossa espera. Iremos para uma pousada para banho antes do retorno.
 
Distância: 15km / Tempo: 8 à 10h
GAE: 570m / PAE: 1.800m

Sem pernoite incluso
Café da manhã e lanche de trilha
 
***A programação acima poderá sofrer modificações devido a fatores climáticos, de acesso ou que possam interferir na segurança dos participantes.


O que está Incluso

Inclui
- 1 Pernoite em pousada simples ou abrigo de montanha em quarto coletivo com café da manhã
- Traslado IN /OUT para a montanha
- Alimentação integral na montanha (café da manhã, lanche de trilha e jantar)
- Barracas Duplas ou Triplas para pernoite
- Todo equipamento coletivo de acampamento e cozinha de montanha
- Guias locais especializados
- Seguro viagem
 
Não Inclui
- Transporte Origem / Itanhandu/MG / Origem
- Despesas de ordem pessoal (bebidas, telefonemas, entre outros)
- Equipamentos individuais 
- Atividades não mencionadas ou opcionais
- Material impresso e brinde Pisa Trekking
- Taxas e impostos governamentais 

O que levar

Mochila:
- 1 mochila de ataque de 30L à 50L (suficiente para roupas, lanche, água e acessórios pessoais)

Vestuário:
- Camiseta Dry (secagem rápida) de manga longa ou curta (preferível que sejam sintéticas)
- Blusa de fleece, polartec ou similar para passar a noite
- Jaqueta Anorak tipo goretex com capuz (resistente a água e vento)
- Calça de trekking (Nylon) ou de Lycra pra quem preferir
- Roupa de dormir na pousada
 
Calçados:
- Tênis ou bota de trekking amaciada e com solado aderente

Acessórios:
- Saco de dormir -0° a -05°; (opção de aluguel)
- Isolante térmico; (opção de aluguel)
- Lanterna pequenas com pilha extra (de preferência de cabeça)
- Recipiente de 2 litros (garrafa de plástico descartável, garrafa Nalgene ou menores com boca larga, bolsas de hidratação tipo "Camelback")
- Meia média ou grossa para caminhadas (de preferência com tecnologia "CoolMax")
- 1 par de luvas de frio
- Gorro de lã ou polartec
 
Outros:
- Medicamentos particulares e materiais de higiene pessoal (de preferência biodegradáveis) em embalagens pequenas
- Filtro solar para rosto e lábios e repelente contra insetos
 
Sugestão/Opcional:
- Álcool em gel para limpar as mãos
- Bastão de caminhada (cajado)
- Bandana ou EcoHead
- Polaina
- Boné e óculos escuro
- Roupa de banho para as cachoeiras e sauna na pousada
- Toalha pequena
- Hipoglós ou vaselina para possíveis assaduras
- Acondicionar toda a roupa em um saco de lixo para proteger caso chova
- 1 par de tornozeleiras para quem tiver tendência a "virar" o pé
- Barrinhas de cereal, frutas secas, castanhas, chocolate ou similar para reposição das energias durante a caminhada

- Tudo deve estar acondicionado em sacos plásticos (para o caso de chuva), com os objetos mais pesados na parte central da mochila, junto às costas.
- Neste roteiro não é necessário carregar saco de dormir e isolante térmico, apenas mochila de ataque para carregar lanche, equipamentos pessoais e água.

Informações Importantes

- O cliente deverá ter em sua mochila recipiente de no mínimo 5 litros para carregar sua água de consumo diário
- Neste formato a equipe de apoio o estará responsável pela montagem do nosso acampamento, sendo necessário apenas mochila de ataque para carregar lanche, equipamentos pessoais e água.
- A programação poderá ser modificada a qualquer momento por motivos de condições climáticas ou motivos de segurança que possam comprometer a integridade física do grupo
- Caso a expedição na montanha seja abortada o cliente arcará com qualquer custo de hospedagem e alimentação na cidade não mencionado no roteiro
- Caso o cliente se desligue da programação da expedição por motivos pessoais, ele arcará com toda a despesa de transporte, alimentação e hospedagem na cidade.

VOCÊ TAMBÉM VAI CURTIR