Multiaventuras: Viagens para cansar o corpo e descansar a mente

Tudo bem que o corpo tem hora que pede um descanso. Uma canga na areia da praia e uma água de coco bem gelada.

O cansaço não é só reflexo de um corpo cansado, mas sim de longas rotinas de trabalho, uma carga de compromissos e obrigações muitos grandes, preocupações intermináveis.

Por isso, viajar pode ter uma outra proposta: descansar a mente. Sentir o suor escorrer no rosto e deixar a cabeça se preocupar em nutrir as funções básicas do corpo. Respirar profundo, mover-se com força, manter-se concentrado nos movimentos. E esquecer de toda a vida louca que nossa vida é.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Se você já sentiu essa necessidade, veja algumas opções de como sair da zona de conforto físico, e entrar em puro estado de êxtase mental, praticando algumas viagens de aventura. Se quiser saber mais sobre os roteiros, clique nos links do texto e conheça as propostas de viagem da Pisa Trekking!

Cicloturismo:

Manter a mente no aqui e agora. Manter-se no presente. Estar atento. Sobre duas rodas, corpo, mente e espírito unem-se para viver intensamente a sensação de liberdade. 

As  viagens  de cicloturismo são sempre praticadas em locais de beleza cenográfica. Todas as viagens de cicloturismo aqui na Pisa Trekking foram desenvolvidas por especialistas em cicloturismo e experientes mountain bikers.

credito-jonatha-junge-025-blog-multiaventuras

Uma ótima opção para quem quer conhecer um destino clássico do ecoturismo em duas rodas é fazer uma volta de mountain bike na Chapada Diamantina. Outro destinob clássico que pode ser feito sobre duas rodas é Aparados da Serra, no Rio Grande do Sul.

Estes destinos de cicloturismo são minuciosamente planejados para serem uma grande experiência de vida. Afinal de contas, imagine o que é poder conhecer as belíssimas paisagens europeias como a Toscana, na Itália, os vilarejos portugueses ou as Highlands escocesas,  entre campos e castelos.

it-cast-med-10-blog-multiaventuras

Viajar de bicicleta é uma prática física exigente. O corpo vai à exaustão. Imagine atravessar aquelas paisagens imensas da Chapada Diamantina de bike. Mas é completamente recompensante, pois nos leva a lugares únicos, e saciam nossa sensação de liberdade. Se você é daquelas pessoas que gosta de andar de bike, e gosta de contemplar a Natureza, então escolha já sua cicloviagem e experimente vivenciar esta sensação!

dsc05803-blog-multiaventuras

 

Caiaque oceânico:

A canoagem oceânica é um dos esportes que mais cresce no mundo. E isso se explica facilmente! 

Viajar de caiaque proporciona o prazer das coisas simples, como o primitivo ato de remar, viajar sem motor, poluição ou ruido, deslizando sobre as águas com mínimo impacto e máxima interação com a natureza. É uma atividade única. Tão próximo do mar, com a água à altura das mãos. Em uma pequena cápsula, nos sentimos exploradores de novas possibilidades.

p1020051-blog-multiaventuras

 

Uma das principais rotas turísticas para a prática de caiaque oceânico no eixo Rio-SP é um local no município de Paraty chamado Saco do Mamanguá. E, mesmo assim, recebe um número tão pequeno de turistas que pode ser considerado um paraíso natural, rodeado de florestas e de um braço de mar com águas tranquilas.

p1020166-blog-multiaventuras

No caiaque você não precisa ser atleta. É possível fazer um curso básico, depois até um de técnicas mais avançadas. Mas desde a primeira vez que você entra em um caiaque já sai remando.  E já se inicia o processo de nutrir a alma. Uma atividade para se praticar com a família, curtindo a natureza, ou para saciar os anseios de emoção do mais ávido aventureiro.

 

Multiaventuras:

Caminhar, pedalar, remar.  Algumas pessoas não se contentam em praticar só uma atividade quando conhecem um lugar. Para saciar este desejo de estar sempre desbravando novas possibilidades, a opção é fazer uma viagem de multiaventuras.

Aparados da Serra é um ótimo exemplo de destino multi aventureiro. A região com maior concentração de cânions do mundo, as opções vão desde cavalgadas leves pelos campos de araucárias, até a possibilidade de fazer rapel em paredões, descer de bote o Rio Camisas e pedalar nas encostas dos cânions. Ou a mais exigente das opções: fazer uma caminhada por dentro do Cânion Itaimbezinho, cruzando mais de 20 vezes o Rio do Boi até estar dentro dos paredões de mais de 800m de altura.

img_1392-blog-multiaventuras

Isso falando apenas de possibilidades aqui no Brasil. Mas imagine que hoje em dia é possível acampar pendurado na montanha indo para Machu Picchu, em um roteiro de multiaventuras no Vale Sagrado do rio Urubamba. Ou na Patagônia, remando entre fiordes. Até na Nova Zelândia. É um mundo de possibilidades.

xttknh07am0-omj74hjufdgtftaehw4t0tf5__12cle

É viajando desta forma que você descobre a fundo todas as alternativas que um destino te oferece.

Quem diria, por exemplo, que a Chapada Diamantina além de trilhas para bike e trekking, possui um pantanal próprio? É o marimbus, uma imensa área alagada em que é possível remar entre as águas calmas da planície alagada.

cimg3268-blog-multiaventuras

Na Chapada dos Veadeiros, além das trilhas já conhecidas no mundo do ecoturismo, é possível andar de bike por estradas de terra e fazer canyoning, descendo por cordas as cachoeiras e seus paredões esculpidos pela força das águas.

img_2551-blog-multiaventuras

Se você sente a necessidades de dar ao corpo a adrenalina que ele merece, então está na hora de começar a viajar diferente!

Conheça os roteiros especiais da Pisa Trekking, feitos para pessoas dispostas a novas emoções. Como você!

 

 

 

 

Um Comentário em: “Multiaventuras: Viagens para cansar o corpo e descansar a mente

  1. Lendo essa matéria, me animou muito, pois temos um roteiro que estamos oferecendo no litoral do Ceará e Piauí que vai exatamente de encontro a situação do Multiaventura, vocês precisam conhecer: – bicicleta, caiaque, SandBoard e Hiking no mesmo roteiro.

Deixe uma resposta