Mulheres Aventureiras: detalhes e desafios para viajar sozinha

Estamos no século vinte e um, mas maioria de nós, mulheres, achamos que não podemos viajar sozinhas. E com isso nos privamos de fazer aquela viagem dos sonhos por falta de companhia.

O mundo está ao nosso alcance e é possível, mesmo estando sozinha, viver uma aventura. Desde uma caminhada aqui no Brasil, ou na Patagônia, e até mesmo conhecer o Everest.

El Chaltén

Em El Chaltén, um dos destinos mais bonitos da Patagônia e que tem uma estrutura e segurança ótimas para quem viaja só.

Posso fazer uma viagem de aventura?

Eu sou advogada, e era uma dessas mulheres sem companhia que queria desbravar horizontes. Hoje já viajei para quase todo o mundo, incluindo a Antártica. Tenho 1,60m  e peso 50 kg,  e quem olha para mim não acredita que eu subo montanhas e faço expedições. Faço isso há 20 anos! Tornei-me guia de viagens de aventura e até hoje acompanho passageiros para os mais diversos roteiros no Brasil e no mundo.

As viagens são sempre diferentes e encantadoras, não se privem disso. A melhor viagem que fiz foi sozinha, e descobri que, na verdade, eu nunca estive só. Nessas viagens conheci mulheres fabulosas, que me inspiraram e me passaram lições de vida impressionantes. Mulheres de todas as idades.

atacama-2011-blog-claudia-mulheres-2

No Deserto de Atacama, mais um lugar na América do Sul onde viajar sozinha é muito fácil e seguro. E o destino ainda oferece uma gama muito grande de opções de aventura!

Acompanho há anos grupos para o Deserto de Atacama. Certa vez, conheci uma senhora que tinha removido um agressivo câncer de mama aos 56 anos. Depois de um longo e dolorido tratamento ela decidiu mudar a sua vida: separou-se do marido e resolver viajar e viver.  Eu a encontrei em um grupo e ela me contou essa história de superação enquanto caminhávamos em direção ao cume do vulcão Toco, com 5.560m de altitude.

 

Planejando uma viagem solo

Hoje é muito fácil entrar na internet e planejar uma viajem inteira sozinha.  Como guia de viagem há duas décadas, a minha dica é que você pesquise tudo o que gostaria de fazer em uma viagem, e procure uma agência que possa te oferecer o seu roteiro dos sonhos. Se a agência oferecer palestras, gaste um tempo e vá assistir. Conheça a agência, crie um vínculo de confiança, e veja se o tipo de viagem que ela oferece  lhe agrada.

Palestra Machu Picchu Campinas

As palestras da Pisa Trekking são sempre cheias de pessoas que desejam começar a fazer viagens de aventura. Esta da foto foi em Campinas, sobre Machu Picchu.

Sites de reservas de passagens e de hotel são muito práticos,  mas eles não lhe darão ajuda se houver algum problema localmente. Também não te oferecem seguro-viagem adequado, nem sugerem as opções dos melhores passeios. E, um detalhe muito importante, ao ter um agente de viagem bem capacitado te dando uma consultoria, você terá a sugestão do melhor hotel, da melhor rota aérea, dos passeios imperdíveis. Além da companhia de ótimos guias à sua disposição, que farão sua viagem se tornar especial.

15128623_10154114843329856_651893665_n-blog-claudia-mulheres

Grupo da Pisa Trekking no Vale Sagrado, no Peru. Viagens até Machu Picchu hoje em dia são muito praticadas por mulheres que viajam sós.

Tipos de Viagens e pessoas que vou encontrar

Há viagens de todos os tipos: grandes aventuras, convencional, compras, paisagens, gastronômicas.

Nós, da Pisa Trekking, somos amantes da vida ao ar livre (não é a toa que este é o nome do nosso blog!). Então, nossa dica é que você procure uma viagem de natureza. Ela pode ser uma aventura, pode ser gastronômica, e até uma ótima opção para uma viagem de luxo ou compras! Ushuaia, por exemplo, na Patagônia Argentina, é uma cidade com porto livre de impostos (e ótima para gastar uns dólares bem gastos!).

cimg0208-blog-claudia-mulheres

Grupo da Pisa Trekking durante o Trekking do Descobrimento, no Sul da Bahia. Uma viagem de aventura relativamente fácil, e que atrai muitas mulheres que querem fazer seu primeiro acampamento.

 

E as viagens na natureza são realmente viagens de descobertas.

Uma vez conheci outra senhora com mais de 65 anos. No rosto ainda mantinha os traços de uma beleza rara. Era uma senhora que visivelmente frequentava hotéis e cruzeiros de luxo. Ela nunca havia feito uma viagem de ecoturismo em grupo e estava apreensiva. Mas, o grupo a acolheu de tal maneira que ela me confessou que de todas as viagens que ela já tinha feito na sua vida, essa tinha sido a primeira em que ela tinha sido ela mesma sem precisar se preocupar com a roupa que iria usar no jantar, com a maquiagem ou de como estaria o seu cabelo.

cimg0171-blog-claudia-mulheres

Agora que você já sabe que é possível viajar sozinha, que tal começar a escolher onde irá realizar seu próximo sonho?

Se tiver alguma dúvida entre em contato com a gente. Na Pisa Trekking, seu sonho de aventura é nossa maior inspiração!

 

5 Comentários em: “Mulheres Aventureiras: detalhes e desafios para viajar sozinha

  1. Sempre viajo sozinha. Admiro tambem quem o faz e nao espera sempre por alguem ou q se sujeita a qualquer tipo de coisas por esta sozinha. E olha que muitos nos acham estranhas, mas liberdade e algo que faz muito bem para quem sabe usufruir.

Deixe uma resposta